DOMINAÇÃO VIRTUAL

Dominação feita através da Internet, que consiste em narrar interativamente cenas BDSM ou mesmo impor castigos, regras, ordens e tarefas à distância.

TEASE AND DENIAL

Provoco muito, mas não deixo você gosar e muitas vezes você vai embora da sessão desse jeito.
Praticamente com hand Job, sem finalização.

CHUVAS

Dourada: Urinar
Prateada: Cuspe

CRUSH

Pisotear em comidas, para você come: doces, pães, massas e frutas
Blackmail : Chantagear o escravo, ameaças constantes.

FACESITTING

Sentar no seu rosto, com ou sem calças. Podendo ser sufocado ou não.

MONEY SLAVE

Prática de total entrega, luxúria pura. O submisso quando encontra sua Rainha, ele quer sua felicidade, sua alegria, sendo assim, sustenta seus caprichos, Quando for de entrega e devoção, você deve ter orgulho de fazer de minha vida, uma realização de vontades.

SPANKING

Apanhar com tapas, chicote, chinelos...do leve ao pesado.
Depende de suas limitações no SSC.
O spanking feito com toalha molhada é pesado, porém não deixa marcas e hematomas.

VELAS

Queimar com velas.
A prática não deixa marcas, porém é preciso cautela.

FEMINIZAÇÃO / CROSSDRESSING

Uma troca de papéis , fantasiar-se de mulher, e ensinar como se portar como uma "mulher" e ao mesmo tempo, como ser uma na cama.

HANDJOB

Amarrado e amordaçado, recebe masturbação com leve creme esfoliante.
E após gozar, continua sendo masturbado, causando experiência indescritível.

BALLBUSTING

Puxões e beliscões...Agressões feitas nos testículos.

PONEYPLAY

Neste é um adestramento, na posição de 4 imitando um cavalinho.
A modalidade em andar nos ombros, muito conhecida também, SHOULDER RIDE.

DOGPLAY

Segue quase o mesmo conceito, alterando o adestramento de um cão.
Incluindo comer restos e ração.

FACE SLAPPING

Dar bofetadas na face, do leve ao pesado.
Faço e adoro esta prática, muito excitante.

BONDAGE

Prática de imobilização, para facilitar as cenas.
Usa-se cordas, algemas ou materiais similares.

PRIVAÇÃO DOS SENTIDOS

Você será impedido de ter visão, cheirar, sentir.
Por meio de capuz, vendas, mordaça e mãos amarradas.

STRAP-ON/INVERSÃO

Com cinta, ou acessórios (para iniciantes),assumo o papel de homem na relação.

ESTUPRO

(teatralizado ok - consensual e solicitado pelo escravo)
Ato que consiste em penetra-lo a força. Pode ser ou não com objetos acima do tamanho esperado.
Sem anestésicos ou lubrificantes. Ou sendo bem sacana, com anestésicos para não deixar marcar reais.<br>

ATENÇÃO: Estupro

Prática criminosa que consiste em obrigar outra pessoa ao ato sexual, seja sob coação, violência, força ou mesmo impedindo sua recusa. O estupro só se correlaciona ao BDSM através de sua prática como teatralização (o Dom "fingiria" ser um bandido estuprador e a escrava sua vítima), pois, uma vez que a base do BDSM é a consensualidade e o estupro é uma prática totalmente coercitiva e não-consensual, o mesmo em nada se correlaciona ao BDSM.

ESTUPRO COM ALGUÉM OLHANDO

Atendimento feito, com humilhações físicas e verbais, com a participação ativa de uma amiga / amigo indicada por mim, para a sessão.

PALMATORIAS

Objeto que tem papel educacional na história. Feito em madeira ou borracha, tem formatos váriados, mas o seu original é um alongado em formato de colher de pau, com três furos no centro.
Em geral, aplico no bumbum.

HAVAIANAS

Usado para impressionar fetichistas e para punição.
Você que se considera um moleque, irá apanhar muito de havaianas no bumbum!

CIGARROS

Tortura com a fumaça do cigarro. Utilizados no BDSM para branding, como adereço de charme, para humilhação (baforando no rosto da escrava ou usando-a como cinzeiro) ou disciplinamento (ao ordenar que a escravo o acenda, segure ou limpe o cinzeiro limpe, comer cinzas ou ate apagar cigarros no corpo. Considero um ato de gentileza para com a Domme ou tortura.

DEPILAÇÃO / CERA DEPILADORA

Usado com tortura e para agradar a Domme, Eu gosto dos depilados e caso Eu deseje você vai depilar (somente as partes íntimas - nesse caso faça em casa do modo tradicional ok)

ENEMA

Ato de inserção de líquidos pelo ãnus e reto: lavagem intestinal. Usado como forma de castigo e obrigação para escravo que terá sexo anal. É utilizado no BDSM como tortura (se for em grande quantidade), humilhação (pelos resultados escatológicos).

ESCARNIO

Escrever sobre a sua pele com tinta, palavras ofensivas e ou de ordem, antes de suas obrigações ou empréstimo. Ex: "coma-me" "use-me" "sou um nada" "corno manso" "viadinho" ...

EMPREGADINHO

Cena BDSM que consiste na transformação visual e de atitudes do escravo como empregada doméstica ou chofer, utilizo em sessão ou meia-diária.

24/7

24 horas de submissão, durante os 7 dias da semana.
Escravo fixo, esse eu posso usar ou empresta-lo a quem eu quiser.

TOP
error: Conteúdo Protegido!